Travel Stories Andalusia :: Vejer de la Frontera

IMG_1256

Uma das coisas melhores das road-trips é sem dúvida o podermos decidir onde e quando parar. Não se tem horários para nada e vai-se viajando à medida da nossa vontade. Quando imaginei esta viagem pela Andaluzia tinha alguns pontos de referência para gostava de visitar: parar em Sevilha para a primeira noite, Vejer de La frontera, Ronda e depois logo se veria se ainda iríamos até Granada ou não.

Pedi conselhos no Instagram, pesquisei artigos sobre Vejer de La Frontera, pesquisei fotografias de Ronda para perceber o que seria giro procurar e pusemo-nos a caminho sem nada marcado. Depois logo se veria! E assim foi mesmo o melhor! Saímos na quinta ao fim do dia, parámos em Alcácer para um delicioso jantar na rua, chegámos a Sevilha às 4h da manhã, acordámos, passeámos e depois de almoço pusemo-nos a caminho de Vejer de La Frontera. Ali era suposto ficarmos uma noite.

Mas lá está, estas coisas de ver primeiro e decidir depois têm as suas vantagens. Achámos que Vejer era gira… aquelas ruas estreitas, as casas invariavelmente caiadas de branco, e uma ou duas ruas repletas de vasos com flores, enchem o olho. Mas depois percebemos que a pequena vila estava vista em pouco tempo e poderíamos partir para o destino seguinte, ficando com mais tempo para explorar outros sítios. Ronda seria a paragem seguinte!

Aqui ficam algumas imagens do que é esta pequena e calma vila no topo de uma colina, toda em tons de branco e cheia de recantos bonitos!

IMG_1238 IMG_1240 IMG_1241 IMG_1242 IMG_1244 IMG_1246 IMG_1248 IMG_1252 IMG_1253 IMG_1255 IMG_1256 IMG_1261 IMG_1262 IMG_1263 IMG_1266IMG_1265 IMG_1273

More traveling:
La Graciosa / Lanzarote / London / Copenhagen / Malmo / Madrid / Seville /Amsterdam / New York

Para quem gosta destas fotografias, algumas encontram-se à venda aqui!
Portfolio
 / Facebook / Instagram / Pinterest

Travel Stories Andalusia :: Sevilha

IMG_1193

Acho que não conheço ninguém que tenha visitado Sevilha e tenha ficado indiferente. Sevilha é daquelas cidades que marca por muitos motivos, quanto mais não seja pelo calor que se faz sempre sentir (ou eu é que teimo em visitar a cidade em meses quentes). Mas além da atmosfera ligada à dança, marca também pelas cores que encontramos na belíssima arquitectura da cidade, pelas ruas estreitas, pelas inúmeras esplanadas e bonitas varandas, sempre com flores e plantas.

A verdade é que nunca passei muitos dias em Sevilha, sempre foram curtas férias de 2 a 3 dias, se tanto. Desta vez, Sevilha foi o primeiro ponto de paragem na road-trip que fizemos pelo Sul de Espanha no início de Junho. E claro, foi o sítio mais quente em que estivemos! Por lá dormimos, tomámos o pequeno-almoço, passeámos e depois de almoço passeámos mais um pouco e rumámos ao nosso destino seguinte – Vejer de La Frontera.

Por isso, o post de hoje é mais para mostrar estas cores irresistíveis (além de que há dois anos tinha visitado a cidade e escrevi sobre isso aqui) e deixar a recomendação do restaurante que visitámos e pouco mais. Se alguém não tem bem definido o que fazer nestas férias, rumar ao Sul de Espanha é sem dúvida uma boa decisão. Não apenas por Sevilha, mas por todo o resto que ainda vos hei-de mostrar e que vale tanto a pena!

IMG_1105 IMG_1108 IMG_1118 IMG_1120 Untitled 1 IMG_1132 IMG_1145 IMG_1148 IMG_1153

Como sugestão para Sevilha tenho apenas uma, o restaurante onde almoçámos neste único dia em que ficámos na cidade – Contenedor. Este é um restaurante que se define como um slow-food restaurant e o menu é feito com base em ingredientes da época. A decoração é muito gira, entre coisas claramente trazidas de feiras da ladra, entre outros elementos mais raw, sem esquecer as plantas e flores espalhadas pelo restaurante. O almoço escolhido não desiludiu nem um bocadinho, e aquela mistura de rosbife com morangos foi absolutamente deliciosa.

Esta semana há mais fotografias das outras paragens destes dias pelo Sul de Espanha. Mas sabem, já tenho saudades daquelas viagens/férias de avião, em que se vai para “o outro lado do mundo”, em que se aterra num fuso horário diferente, em que se experimenta uma cultura diferente. Enquanto isso não acontece, vão-se fazendo estas escapadelas para arejar e mudar de ares!

Quais são os vossos destinos preferidos até agora?

IMG_1158 IMG_1169 IMG_1172 IMG_1174 IMG_1181 IMG_1184 IMG_1193 IMG_1201 IMG_1212 IMG_1213

More traveling:
La Graciosa / Lanzarote / London / Copenhagen / Malmo / Madrid / Seville /Amsterdam / New York

Para quem gosta destas fotografias, algumas encontram-se à venda aqui!
Portfolio
 / Facebook / Instagram / Pinterest

Casamento Quinta dos Loridos :: Ana Maria + Marc

IMG_5558

Às vezes acontece isto, publicar um casamento com algum tempo… o suficiente para que tenham celebrado pelo menos um aniversário e estejam quase a celebrar o segundo. Mas queria mostrar-vos um bocadinho do que foi a história feliz da Ana Maria e do Marc, que por obra do acaso, se sentaram um dia num avião, ao lado um do outro. Ela de Portugal e ele de Inglaterra, cruzaram-se assim um dia e desde então que começou a história bonita de amor que os une.

Adoro saber os pormenores das histórias que fotografo e adoro ainda mais perceber que tantas coisas felizes são mesmo por acaso. Acasos estes que mudam as vidas inteiramente, e de forma tão bonita!

Depois de um pedido de casamento bastante atribulado, com uma encomenda especial a chegar atrasada e todo um jantar romântico planeado pelo Marc, decidiram que a festa seria em Portugal. O local escolhido foi a Quinta dos Loridos, que conta com o jardim exótico Buddha Eden e uma cerimónia humanista. Aqui trocaram os votos de forma bastante emotiva, ofereceram aos convidados um passeio pelo jardim e seguiu-se então a festa animada pela noite dentro.

A quinta é mesmo rústica, com as portas e janelas que tanto gosto de fotografar, as heras a cobrir as paredes e claro, não há como não nos deliciarmos com o pôr-do-sol sobre a vinha! Vamos passear um bocadinho?

IMG_4509IMG_4503 IMG_4504 IMG_4537 IMG_4582 IMG_4607IMG_4615IMG_4617IMG_4621IMG_4631IMG_4632IMG_4636IMG_4639IMG_4641IMG_4654

IMG_4665 IMG_4728 IMG_4736 IMG_4742 IMG_4753 IMG_4786 IMG_4791 IMG_4800 IMG_4831 IMG_4839 IMG_4848IMG_4900IMG_4899IMG_4901IMG_4904IMG_4909IMG_4916IMG_4919IMG_4924IMG_4957IMG_4959IMG_4960IMG_4966IMG_4975IMG_4976IMG_4982IMG_4986IMG_4989IMG_4993IMG_4999IMG_5001IMG_5003IMG_5005IMG_5011IMG_5015IMG_5020IMG_5034IMG_5042IMG_5060IMG_5082IMG_5088IMG_5094IMG_5101IMG_5115IMG_5116IMG_5125IMG_5130IMG_5143IMG_5151IMG_5233IMG_5236IMG_5244IMG_5258IMG_5259IMG_5270IMG_5315IMG_5317IMG_5318IMG_5323IMG_5385IMG_5393IMG_5395IMG_5398IMG_5407IMG_4906 IMG_5483 IMG_5554 IMG_5558 IMG_5567 IMG_5572 IMG_5590IMG_5600 IMG_5596 IMG_5603 IMG_5613 IMG_5631 IMG_5649 IMG_5654 IMG_5658 IMG_5717 IMG_5474IMG_5458IMG_5462IMG_5477IMG_5780 IMG_5793 IMG_5798 IMG_5810 IMG_5817 IMG_5818 IMG_5823 IMG_5843 IMG_5862 IMG_5868 IMG_5879 IMG_5908 IMG_5916 IMG_5922 IMG_5950 IMG_5965 IMG_5973 IMG_6005 IMG_6047 IMG_6050 IMG_6078 IMG_6081 IMG_6099 IMG_6107 IMG_6113 IMG_6116 IMG_6119

Pedir informações * Ask for info!
Outros Casamentos / Facebook / Instagram / Pinterest

Junho :: 366

Junho 2016_Blog

E assim sem querer acreditar, já vamos quase no final de Julho e o mês de Junho ficou por mostrar. Como estão por mostrar outras tantas coisas fotografadas, quer de trabalho, quer de viagens por sítios bonitos. Mas vamos por partes, sim? Até porque nesta fase do ano, anda meio mundo a trabalhar imenso (esta parte do mundo em que estou e em que se trabalha mais durante o verão) e outro meio mundo de cabeça mergulhada em férias, nos preparativos para elas ou com a ressaca das mesmas, para quem já foi e já voltou!

IMG_1108

Por isso, se calhar nem anda a ser muito notada esta ausência aqui pelo blog, até porque quem me costuma seguir, sabe que ando por aqui diariamente. Mas vamos lá começar por este Junho que já passou há quase um mês. Para começar foi um mês cheio de trabalho bonito, com sessões com clientes que vieram de propósito a Portugal passar uns dias de férias ou trocar votos de forma mais intimista.

Foi o mês em que o verão finalmente arrancou e que tantos lamentos andava a provocar pela demora! Mas aqui que ninguém nos ouve, posso dizer abertamente que… agora que estamos no final de Julho e já tivemos uma ótima dose de calor-que-não-se-aguenta, já estou pronta para os dias mais frescos. Isto claro, perdoem-me quem ainda não foi de férias, passa os fins-de-semana esticado na areia e me está a odiar por estas palavras.

IMG_1320

Mas cada um é como é, e adoro o tempo bom assim, com sol, roupas leves e os pôres-do-sol desta altura do ano são para lá de bonitos. Mas do topo dos meus 35 anos já sei que não sou a pessoa mais produtiva quando o calor aperta, fico com necessidade de descansar muito mais do que no inverno e sinto-me sempre mais desorientada para organizar o meu tempo.

Mas do que foi feito este mês de Junho, afinal, sem ser a parte do trabalho? Bem, foi feito de uma escapadela de 4 dias pela Andalusia, e que deixou tantas saudades. Adoro viajar, e quando é para viajar de carro há toda uma excitação diferente. Quem é que não gosta de uma road-trip por paisagens diferentes das que vemos habitualmente? Para o fim-de-semana prolongado do 10 – 13 Junho decidimos fazer as malas e ir para Espanha. Claro que ir para o Sul de Espanha em Junho significa uma coisa – calor-que-não-se-aguenta. Mas tolerou-se… até porque Sevilha consegue sempre ser a parte pior no que toca a calor e depois o resto é gerível. 

IMG_2661 IMG_5385

No entanto, sobre isso virá ainda um outro post para vos mostrar tudo o que visitámos e para encorajar quem quer que ande sem ideias para umas férias este ano. Ainda que para mim, o ideal para esta zona seja o início do verão e não esta altura do ano.

Junho é ainda mês de Santos Populares, mas já lá vai o tempo em que tinha paciência para sair de casa e festejar o Santo António na noite de 12 de Junho, mas Lisboa enche-se de um cheirinho bom a verão, enfeites pelos bairros, boa disposição geral e sardinhas assadas, e eu voto nisto tudo! Ainda ponderei celebrar o São João, como no ano passado, mas o volume de trabalho não o permitiu e por isso, fica a promessa de regressar no próximo ano!

Untitled 1IMG_9683Untitled 1

Acompanhem o projecto diariamente pelo Instagram!
365 Project
 / Facebook / Pinterest / Etsy

 

Maio :: 366

Maio 2016_BLOG

Que mês tão bonito que passou… mas finalmente entrámos em Junho, mês de Santos Populares, de cheiro a verão por Lisboa, e tudo isto me faz imensamente feliz! Maio acabou por ser um mês com imenso trabalho que não estava planeado no início, mas o S. Pedro colaborou e começamos finalmente a poder contar dias bonitos! A luz de final de tarde é daquela bonita, os casacos podem começar a ficar no roupeiro e os vestidos podem sair finalmente cá para fora!

Este mês marcou ainda a mudança para uma casa nova e um bairro diferente em Lisboa. Ainda há muito por fazer, muitas caixas para encher e transportar, muitas decisões a tomar, porque será uma mudança compassada. Mas acho que assim até é melhor, porque há tempo para trazer o que é mais importante, e perceber o que não é importante. Desde que estou em Lisboa, esta é a terceira vez que mudo de casa e apesar de ser pouco de saudosismo e agarrada a coisas que não uso, confesso que sinto uma certa nostalgia em relação ao meu (antigo) bairro. Vivi ali quase desde que cheguei a Lisboa e fui mesmo muito feliz.

IMG_0873IMG_7091

Primeiro numa casa muito pequenina e depois numa bem maior, com direito a quintal e árvores de fruto. Uma experiência completamente distinta daquela em que se pensa quando falamos de viver em Lisboa. Ali imperava o silêncio ou o chilrear dos passarinhos. Tudo se fazia a pé, e os recantos que pude descobrir nestes últimos anos foram absolutamente deliciosos. Tanto os bairros de Belém, como o Restelo ali ao lado foram explorados a pé para não perder nem um bocadinho. E nada se compara ao sair de casa e ter o rio como pano de fundo!

IMG_6653IMG_8622IMG_6674

Ainda assim, gosto imenso de mudança. Sinto sempre alguma excitação com novas rotinas, com a sensação de explorar coisas novas. E sei que apesar de andar conscientemente a adiar o esvaziar uma casa em caixas, sei que vou ser implacável na altura de decidir o que fica e o que vai. Tenho poucas coisas às quais sou mesmo apegada e sei que a sensação de libertação de “tralha” é sempre melhor do que a sensação de continuar com as coisas na expectativa de que “um dia podem vir a dar jeito!”. Talvez a experiência de ter vivido em tempos em 45m2 tenha resultado neste sentido prático, mas parece-me sempre uma coisa boa… esta do “destralhar”.

E assim andam os meus dias, entre passeios a explorar o novo bairro, muito trabalho de manhã à noite, planos para os meses de verão que se seguem também repletos de trabalho,  e ainda planos para uns dias agora em Junho em modo road-trip pelo Sul de Espanha! Tenho saudades de viajar para cidades que não conheça, tenho saudades das viagens de avião com mais de 8h, de culturas completamente diferentes… Mas por agora não se pode ter tudo e vamos só cumprir com o primeiro desejo – visitar cidades que não conheça. No mapa estão Vejer de La Frontera, Ronda e Granada e logo se vê o que mais se impõe durante os próximos dias!

Junho continua assim bonito, que é assim que te quero!

IMG_9598

Acompanhem o projecto diariamente pelo Instagram!
365 Project
 / Facebook / Pinterest / Etsy

Translate »